Será que as aulas de preparação para o parto valem a pena?

Olá a todos!!

Felizmente no hospital onde a minha gravidez está a ser seguida tive a possibilidade de me inscrever nas aulas de preparação para o parto e parentalidade. Por norma iniciam-se com 28 a 30 semanas. Aqui as aulas funcionam 2 x/semana, em dois turnos distintos, sempre dadas por enfermeiras especialistas do serviço de obstetrícia. As aulas foram planeadas desta forma: 1 aula teórica e 2 aulas praticas; 1 teórica e 2 praticas e assim sucessivamente.

Os temas das aulas teóricas são variados:

  • Visita ao serviço (internamento, sala de dilatação, sala de partos, casas de banho...), para criar empatia do espaço; 
  • Amamentação 1 e 2, onde são abordadas a anatomia da mama, como é feita a "subida/descida" do leite, as propriedades do leite materno, as vantagens da amamentação e cuidados a ter na amamentação;
  • Cuidados ao recém nascido segurança e protecção, onde se explica os diversos procedimentos de segurança que devemos ter (ovo para o carro, o isofix...); 
  • Sinais de parto, preparação para a maternidade, onde se fala quais os sinais que as mães devem estar atentas pois podem indiciar o inicio do trabalho de parto; 
  • Como decorre o trabalho de parto, onde são abordados a maioria dos passos dados, quanto tempo demora em média o trabalho de parto, o que se faz quando nasce o bebe;
  • Cuidados ao recém nascido, higiene e competências, onde se explica como dar banho devidamente, o que se deve ter, o que não se deve fazer e porquê; 
  • Características do recém nascido  (não posso falar sobre este tema pois esta aula já foi dada quando o meu bebe nasceu 😪 )
  • Analgesia epidural (não posso falar sobre esta aula, pois foi dada antes de eu iniciar as aulas 😢 )

As aulas práticas são semelhantes entre si (mas todas as enfermeiras dizem que são as mais importantes). Assentam no principio do relaxamento pela respiração e a importância do auto controlo. Apenas apartir das 37 semanas é que se inicia o período expulsivo (ensino de técnica que deverá ser utilizada pelas mamãs para facilitar o nascimento do bebe).

Confesso que, agora que estou a terminar este processo, considero as aulas um pouco incompletas. O foco principal é o ideal, o que deve ser feito. No entanto, eu entendo que deveria também ser explicado tudo o resto, para que os futuros pais tenham o máximo conhecimento possível de tudo o que pode acontecer.
Por exemplo, focam muito (demais, na minha opinião) a amamentação. Entendo que é super importante, quer para a mãe quer para o bebe. No entanto, caso ocorram situações em que não é possível, tenho a sensação que a mãe se sentirá uma "incompetente", pois durante X meses ela assumiu que iria amamentar.
Abaixo descrevo alguns temas que acho que seria importante serem abordados nestas aulas:

  • Porque existem no mercado tantas marcas de leite artificial?
  • Que cuidados se devem ter na preparação destes leites? 
  • E se for intolerante à maioria dos componentes? 
  • Existe uma opção vegetal que possa ser dada às crianças???
  • O que fazer se uma criança/bebe se engasgar? 
  • O que fazer em caso da criança estar constipada? E com cólicas? 
  • Técnicas para acalmar o bebe.
  • Qual o mobiliário que devemos comprar e porque? O que é essencial? 
  • Como saber se a criança tem frio ou calor?



Estas questões não foram de todo respondidas nas aulas que eu presenciei. Não digo que as enfermeiras não saibam responder, mas por algum motivo não passaram estas informações.
Como sou muito curiosa, fui pesquisar sobre todas as questões e vou incluir estes temas no blog para que todas tenham as informações necessárias.


Sejam felizes!!



Comentários

Mensagens populares